Jogador que agrediu árbitro no RS deixa a prisão após receber liberdade provisória

O jogador William Ribeiro, de 30 anos, deixou a prisão na noite desta terça-feira (5), em Venâncio Aires, no Rio Grande do Sul. Ele recebeu liberdade provisória após audiência de custódia realizada a tarde. O atleta agrediu o árbitro Rodrigo Crivellaro durante uma partida da Série A2 do Campeonato Gaúcho na última segunda (4). O Ministério Público pretende recorrer da decisão.

No segundo tempo do jogo entre Guarani e São Paulo-RS, William Ribeiro acertou um soco em Crivellaro que caiu e ainda chutou a cabeça do árbitro. A vítima ficou desacordada em campo, recebeu atendimento médico e deixou o estádio de ambulância às pressas para um hospital da região. O atleta foi detido pela Polícia Militar.

William Ribeiro tem antecedentes criminais e histórico de brigas em campo. Levado para a delegacia, ele foi autuado por tentativa de homicídio. O MP promete recorrer da decisão de liberdade provisória nos próximos dias. Enquanto isso, a Polícia Civil investiga o caso e tem prazo de 10 dias para concluir o inquérito para sugerir ou não o indiciamento do jogador ao MP. A tendência é que ele responda em liberdade o julgamento que pode ocorrer no ano que vem.

Já Rodrigo Crivellaro teve alta do hospital nesta terça. Na saída, ele disse estar bem e que nada grave foi constatado.

você pode gostar também