Restaurante é interditado após anunciar evento com 4 bandas em Salvador

Um restaurante foi interditado no Alto de Ondina, em Salvador, nesta terça-feira (2), após anunciar um evento, em comemoração ao dia de Iemanjá, com quatro bandas. Além do descumprimento das medidas de combate à Covid-19, o estabelecimento não tinha alvarás de funcionamento e uso de som.

A feijoada foi anunciada pelas redes sociais, com ingressos sendo vendidos a R$ 30. O caso foi denunciado por internautas à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), como explica Everaldo Freitas, coordenador de fiscalização da pasta.

“Foi uma denúncia através das redes sociais, onde as pessoas estavam anunciando um evento a ser realizado, com cobrança de ingresso. Nesse momento da pandemia está sendo liberado nenhum tipo de evento, principalmente com utilização de bandas”, disse.

Everaldo detalha ainda que o estabelecimento é pequeno e não tem espaço para manter o distanciamento social. O restaurante também estava funcionando sem alvarás necessários.

“É um espaço bem confinado, com vendas e comercialização e nossa grande preocupação nesse momento tão delicado da pandemia é a de aglomeração de pessoas. O mais agravante é que o estabelecimento não possui alvará de funcionamento, nem tampouco o alvará sonoro, que é emitido pela Sedur. Com isso, nós estamos entrando com medidas administrativas, que será a interdição do estabelecimento comercial”, disse. As informações são do G1-BA.

O dono do restaurante foi autuado por causa do uso de equipamentos sonoros, já que estava havendo passagem de som no momento que a fiscalização chegou. Além disso, foi feita uma interdição física no local.

você pode gostar também