Robério Oliveira manda ameaçar servidores que não comparecer nas caminhadas

A gestão do prefeito de Eunápolis, Robério Oliveira mostra uma face desesperada nesta corrida eleitoral. Ameaça servidores públicos de demissão caso não participem da caminhada. Antes o que era feito as escondidas, foi abertamente compartilhado nos grupos de whatsapp horas antes da citada caminhada desta quinta-feira (22).

Quem ficou responsável por passar o duro recado, foi o ex-secretário de comunicação Isnar Vasconcelos e atual braço direito do prefeito, Através de um áudio ele fala: “o prefeito espera que todos, todos tem que estar presente nessa saída, sem exceção, espero que essa maneira que estou falando seja entendida por cada um” enfatizou o risco.

O prefeito ordena aos seus comandados que pressionem e façam ameaças aos servidores públicos, querendo até responsabilizar os adversários. Além disso, se desespera usando termos como: “lutar ou morrer”.

Isnar Vasconcelos, que esteve numa rápida e sem muito sucesso, administração do antigo Hospital das Clínicas, que hoje funciona o hospital de campanha, deixa claro aos servidores que a gestão não tem compaixão pelos seus contratados e mesmo em momento de crise volta ameaçar “É lutar pelo emprego de cada um de vocês, no momento de recessão do covid, o desemprego cada vez aumenta mais, é importante que cada um está lutando pelo emprego.” disse Vasconcelos.

Não há valorização dos servidores e utilizam esse momento eleitoral pra pressionar o cidadãos que dependem do magro salário. A ditadura não pode mais continuar acontecendo em Eunápolis. Atitudes como essas devem ser repudiada pela população.

você pode gostar também