Mulher é estuprada na cidade de Ilhéus, outra é atingida com golpes de martelo em Porto Seguro

A Polícia Civil procura um homem conhecido como “Gabrielzinho do Ilhéus 2”, acusado de estuprar uma mulher e assaltá-la na última sexta-feira (16). A queixa dá conta de que um grupo de quatro amigas voltava do alto do morro do Urbis, onde participou de um momento de oração, e foi abordado pelo acusado.

Armado com um facão, ele teria feito ameaças, abusado sexualmente de uma delas e dado golpes no braço de outra, que chegou a ser hospitalizada. Ao final, fugiu levando as bolsas e demais pertences delas.

Populares mostraram a foto de um homem para as vítimas e elas afirmaram tratar-se do citado “Gabrielzinho”. A investigação está a cargo da DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).

Martelo na cabeça

Ainda na esfera da violência contra a mulher, a polícia recebeu a denúncia anônima de que um homem atingiu a própria companheira com golpes de martelo na cabeça, no bairro Frei Calixto, em Porto Seguro.

Embora a vítima não tenha registrado ocorrência da agressão, a Lei Maria da Penha permite que a autuação ocorra desde quando as autoridades sejam informadas sobre o crime.

O acusado da agressão, Jeremias dos Santos Alves, não tinha sido localizado até a publicação desta matéria. Quem tiver informações do suspeito deve ligar para o número 190. As informações são do Diário Bahia.

você pode gostar também