Compartilhar pesquisa falsa, sem o registro será punido pela justiça eleitoral

Eleitores que divulgarem pesquisas falsas pelas redes sociais ou em qualquer plataforma da internet durante as eleições de 2020, ficará sujeito a punições duras pelo o juiz local.

Essa é uma das regras estabelecidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para evitar crimes e infrações do tipo, o Tribunal Regional Eleitoral está reforçando as fiscalizações no universo virtual. Para isso conta com o apoio do Ministério Público Federal e da Polícia Federal.

No último final de semana, circulou uma pesquisa “FALSA”, em Porto Seguro. Vale lembrar que qualquer pesquisa eleitoral sem o devido registro no TSE, não passa de uma FAKE NEWS. Quem compartilha, poderá ser acionado pela justiça.

você pode gostar também