Dra. Raissa Soares, foi demitida do hospital de base em Porto Seguro

Uma notícia no final da noite da última quarta-feira (01), deixou toda a população de Porto Seguro e cidades circunvizinhas em pânico. A demissão da Dra. Raissa Soares, que atua na linha de frente do Covid-19 e responsável pelo desenvolvimento juntamente com sua equipe de um Protocolo Médico, dividido em 3 etapas, que vinha apresentando resultados surpreendentes na luta contra a Pandemia do Coronavírus.

Na comunicação de demissão, foi alegado que a referida Dra. já estava com o contrato vencido e portando não poderia mais atua junto ao Hospital Luis Eduardo Magalhães de Porto Seguro, que tem sua administração sob a responsabilidade do Governo do Estado.

Dra. Raissa Soares, especialista em Clínica Geral, UTI e Centro de Terapia Intensiva, vinha utilizando um protocolo para uso ambulatorial da HCQ em pacientes com sintomas iniciais de Covid-19. Desde que a notícia do tratamento se espalhou, a médica tem sido procurada por dezenas de pacientes e médicos dos municípios do Sul da Bahia e do Brasil, mas têm tido dificuldade em obter o medicamento.

Doutora Raissa e Cláudia Oliveira

Um fato curioso e que no atual momento, a Prefeitura Municipal realiza a publicação de Edital, convocando para a contratação de médicos e profissionais da saúde, para atuarem de maneira emergencial no combate a pandemia.

Resta saber se a demissão de Dra. Raissa, envolvida 24 horas na guerra contra a Pandemia e responsável pela cura de vários anônimos na cidade e inclusive da atua Prefeita do Município de Porto Seguro, foi uma retaliação política contra o Governo Federal do Presidente Jair Bolsonaro ou se faz parte do protocolo do governador Rui Costa de que: É BOM FICAR EM CASA.

A doutora Raissa Soares, também tinha uma live marcada com a pré-candidata a Prefeita de Eunápolis, Cordélia Torres, que é adversário político de Cláudia Oliveira e do governador, mais infelizmente doutora teve que cancelar a live. Talvez isso pode ter sido a gota d’água, Os moradores de Eunápolis ficaram sem entender.

 

Fonte: agazetta.com.br

você pode gostar também