Suspeito de usar coronavoucher para fazer churrasco é preso em MG

Um jovem, de 24 anos, divulgou nas redes sociais um vídeo em que aparece supostamente fazendo um churrasco com o dinheiro do coronavoucher e debochando do programa do Governo Federal, na cidade de Caratinga, a 311 km de Belo Horizonte.

Com as imagens, a policia descobriu que havia um mandado de prisão em aberto contra o suspeito, que acabou sendo preso.

Nas imagens, o jovem diz nunca ter trabalhado. Em outro momento ele segura um cigarro, aparentemente de maconha, e pede para que o entorpecente seja legalizado. “Mandou R$ 600 para mim e eu nunca trabalhei na vida”, disparou o homem.

Após a gravação viralizar, a polícia iniciou uma investigação e descobriu que quem aparece nas imagens é Thales Rocha Fernandes, condenado pelo crime de tráfico de drogas.

De acordo com Luiz Eduardo Moura Gomes, delegado da Polícia Civil, a Justiça havia expedido o pedido de prisão contra o jovem nesta quinta-feira (30), devido à condenação. De posse do documento, os policiais foram atrás do suspeito.

você pode gostar também